{SCTwitterShare..." /> Entrevista com Dr. Nailton Tenório
  • VTEM Image Show

    Um feliz natal e ano novo!
  • VTEM Image Show

    A maior caridade que podemos fazer pela Doutrina Espírita é a sua divulgação
  • VTEM Image Show

    Bem vindo ao maravilhoso mundo do livro espírita
  • VTEM Image Show

    A maior caridade que podemos fazer pela Doutrina Espírita é a sua divulgação - Emmanuel
  • VTEM Image Show

    O Livro dos Espíritos é a pedra basilar do Espiritismo
  • VTEM Image Show

    O livro espírita emancipa a alma nos fundamentos da vida
  • VTEM Image Show

    "Quem se ilumina, recebe a responsabilidade de preservar a luz." (André Luiz)

Entrevista com Dr. Nailton Tenório

Nailton Jatobá Tenório é médico, cirurgião do aparelho digestivo e professor e coordenador do curso de medicina da Faculdade São Francisco de Barreiras – FASB.

É casado, pai de cinco filhos e uma neta, nasceu em Maceió – Alagoas e reside atualmente em Barreiras – BA.
Dr. Nailton é um dos fundadores do Lar Espírita André Luiz, onde mantêm o PSI – Programa de Saúde Integral. Seu último livro Médico de Almas lançado recentemente pela Vivaluz Editora faz parte do Clube do Livro Espírita do Instituto Chico Xavier de Itu.

1. Seu último lançamento, o livro Médico de Almas tem tido grande procura. A que você credita o sucesso deste livro e como foi para você escrevê-lo?
Os problemas de saúde se multiplicam em nosso meio com desordens físicas e psíquicas que comprometem em muito a estabilidade biopsíquica do indivíduo. Sendo assim é natural que o tema encontre eco e proporcione a procura de livros que abordem o tema. A espiritualidade sempre direcionada ao auxílio de tantos necessitados nos envia um trabalho que possibilita o entendimento do processo saúde doença de forma mais ampla e para mim como médico, trouxe elementos importantes para o entendimento de evoluções que antes não conseguia compreender e que estavam além dos meus esforços.

 

2. Por que adoecemos tanto? Somos todos doentes de alma?

Acredito que momentaneamente faz parte do processo de crescimento, adequado ao nosso estado de desenvolvimento atual, e poderíamos dizer com relação sermos doentes da alma de forma simples que sim, aceitando principalmente o fato de vivermos em um mundo de provas e expiações. Devemos considerar que no futuro estaremos melhores, a expectativa da melhora acontecerá com a evolução consequente as nossas próprias decisões.ç

3. No livro Médico de Almas se fala muito sobre a Integralidade do ser. Pode nos explicar um pouco sobre isso?
O ser Integral é o ser em verdade indivisível, o espírito unido aos seus agregados corpóreos. Um complexo de vida que viceja as experiências da vida em planos diferenciados e existências seguidas.

4. Como entender o processo da doença como um benefício para a alma?
A doença em si é o efeito de desequilíbrios transitórios e muitas vezes recorrentes que consequentemente afetam diretamente o ser integral. Revela-se de certa forma pelo incômodo a guisa de sintomas que oportunamente solicita atendimento e tratamento em busca da restauração. A busca de respostas em meio a dor e ao sofrimento para muitos, será o convite atendido para a obtenção de respostas que acordarão o indivíduo definitivamente para verdades esquecidas. Desta forma e de muitas outras a doença do corpo proporciona a cura da alma.

5. De que a modo a pessoa que está doente pode contribuir para seu tratamento quando está tão fraco energeticamente?
Pela busca, pelo querer, empregando seus maiores esforços no estabelecimento de nova ordem biopsíquica, substancialmente amparada pela fé que se transforma em esperança e motivação continuada. Devemos entender ainda que o sucesso de um tratamento não podemos apenas medir pelos efeitos da cura física de um paciente, mas sim pelos resultados que extrapolam o núcleo biológico e são obtidos pelo ser integral.

6. Se considerarmos que muitas doenças derivam da alma, poderíamos dizer que a cura para muitas doenças depende da alma?
Isto é uma afirmação verdadeira, poderia dizer mais, a grande maioria das doenças derivam de problemas oriundos do desequilíbrio espiritual, sendo assim é necessário, por ações apropriadas resgatarmos esse equilíbrio senão estaríamos tratando apenas o efeito e esquecendo a causa.

7. Qual a importância do tratamento espiritual para a cura de uma doença física?
Não existiria o físico sem o espiritual, e como disse anteriormente tratando o binômio complexo mas indivisível tratamos integralmente o ser e assim efeito e causa não ficam sem atenção.

8. Temos vivido momentos difíceis onde vemos muita violência, intolerância, ódio, ressentimento. Qual a melhor terapia para a cura da alma nestes casos?
A energia edificante, uma grandeza universal que reequilibra, restaura, une, agrega e evolui é o amor, que se constitui realmente na divina terapia, e se trata por sinal de parte do título do livro, importante indicação do Cristo como legado para todos e nos aponta o caminho para a evolução.

9. Nos conte um pouco sobre o Lar Espírita André Luiz, onde você é um dos fundadores.
O lar nasceu da vontade de amigos irmãos de estudarem mais sobre o espiritismo e tendo se revelado pelo crescimento numérico, necessitou do amparo de uma casa para a continuidade. Eu tinha me mudado para Barreiras e encontrei inicialmente três amigos, colegas médicos que se irmanaram no ideário de saber mais e buscar a filosofia e a doutrina do espiritismo como norte para suas vidas. Aplicou-se na prática a teoria da geração espontânea de pequenos núcleos como chamas que iluminam, aquecem e amparam nossa sociedade. O estudo cresceu em número necessitando de uma casa que lhe abrigasse, foi quando fundamos a Associação Lar Espírita André Luiz, e de repente foram 14 anos de trabalho de muita felicidade, de muito crescimento físico na obra que se amplia e espiritual de todos que participam e que hoje é reconhecido pelo alcance de suas obras doutrinarias e sócio-caritativas. Desde seu início adotamos como ideário o estudo da filosofia com ênfase na prática do amor que se movimenta em direção a necessidade, para aproximar cada vez mais o estudo como meio de seu fim. Hoje temos atividades de estudo e evangelização para crianças, jovens e adultos, tendo sido implantado o PAI (Programa de Ação Integral) o ESDE (Estudo Sistematizado da Doutrina Espírita) e o EADE (Estudo Avançado da Doutrina Espírita), além de cursos regulares de Estudos da Mediunidade.

Implantamos os ambulatórios de atendimento médico em várias especialidades: psicológico, odontológico, fisioterapêutico e de acupuntura. Todos formados por voluntários dos estudos e voltados ao atendimento de pessoas carentes. Temos ainda as campanhas do Quilo e de cestas básicas, a campanha de enxovais para bebê que acompanha o ambulatório de pré natal.

Há dois anos em parceria com o maior hospital da região, o Hospital do Oeste, iniciamos o Café com Afeto que distribui aos sábados café e orienta os parentes de pessoas que esperam na emergência do hospital em um lindo resultado. Recentemente em parceria com o Rotary Clube da cidade de Barreiras iniciamos uma parceria para concretizar um lindo trabalho denominado de Banco Ortopédico que fornece e empresta cadeiras de roda, muletas, cadeiras de banhos e outros utensílios necessários aos pacientes carentes, vítimas de trauma ou sequelados de patologias graves.

10. O que é PSI – Programa de Saúde Integral e qual o objetivo do programa?
O PSI surgiu com o advento de trabalhos de psicografia, algumas já publicadas como Pelos Caminhos da Vida e Médicos de Almas, voltados para o entendimento do ser integral e do tratamento médico com acompanhamento espiritual.
Este programa funciona como um piloto que semanalmente atende muitas pessoas no Lar e tem se revelado um importante instrumento de auxílio aos que dele necessitam.

11. Agradecemos sua disponibilidade em nos atender e pedimos que deixe uma última mensagem aos leitores do site do Instituto Chico Xavier.
Devemos continuamente buscar o que nos ensinam os espíritos preocupados com nosso crescimento, buscar a instrução como estão fazendo aqueles que estudam, que se informam e oportunizar este conhecimento na prática do dia a dia. Estevão nosso benfeitor espiritual nos diz sempre: ama e serve continuamente.

Por: Rita Ramos Cordeiro

Livro de Novembro 2017

MADAME KARDEC

Na inquieta Paris de 1830, uma professora de artes e poetiza que alcançava destaque pela publicação de vários livros, atraiu a atenção do influente educador francês Hippolyte Léon Denizard Rivail que, anos mais tarde sob o pseudônimo de Allan Kardec, se tornaria conhecido como o codificador dos princípios espíritas.

 

Funcionamento

Para os associados do Clube do Livro são oferecidos 4 Planos de Assinatura.

O associado tem a opção de escolher se quer receber um ou dois livros por mês.

E além disso o pagamento de suas assinaturas pode ser feito através de depósito em conta-corrente ou com cartão de crédito pelo pagseguro.

Saiba mais acessando o link de FIQUE SÓCIO.

  

Promoções


Fique sócio do Clube do Livro Espírita e receba todo mês um livro espírita em sua casa.


Entre em contato conosco.